AtualidadePrograma Food

Restaurantes FOOD: saiba as vantagens

A necessidade de uma nutrição equilibrada para melhorar o bem-estar dos cidadãos europeus está a tornar-se cada vez mais premente, sobretudo à medida que a relação entre uma má nutrição, a obesidade e os problemas de saúde se torna mais evidente.

Por este motivo, e com o objetivo de melhorar a oferta alimentar para os trabalhadores, o Programa FOOD certifica restaurantes que cumpram as recomendações para uma alimentação saudável.

Com a certificação dos Restaurantes FOOD, pretende-se:

  • Melhorar a oferta alimentar;
  • Transmitir conhecimentos básicos e importantes sobre a Alimentação e Nutrição:
  • Aumentar a fidelização dos clientes;
  • Melhorar o estado de saúde do grupo populacional que frequenta restaurantes com frequência;
  • Divulgar o Programa FOOD;
  • Ajudar os restaurantes na sua diferenciação e no aumento de resultados

 

Recomendações a cumprir para ser um restaurante FOOD

  1. Preferir os métodos de confeção como cozidos, estufados e grelhados;
  2. Disponibilizar jarros com água;
  3. Disponibilizar sopa de hortícolas;
  4. Disponibilizar mini prato;
  5. Não apresentar saleiros nas mesas, disponibilizar apenas se for pedido;
  6. Disponibilizar como acompanhamentos hortícolas (crus ou confecionados) e leguminosas;
  7. Oferecer pão de mistura ou pão integral como possibilidade de escolha;
  8. Disponibilizar pratos de peixe e carnes brancas;
  9. Disponibilizar produtos sazonais, nacionais e promover o seu consumo;
  10. Incluir fruta fresca no “Menu do dia” em alternativa à sobremesa doce;
  11. Utilizar as ervas aromáticas e especiarias em substituição do sal;
  12. Utilizar o azeite como gordura de base dos preparados culinários, entradas e acompanhamentos.

Fique ainda com as várias recomendações para ser um restaurante FOOD, sugestões de pratos verão restaurantes e  como diminuir o desperdicio alimentar em restaurantes

 

Previous post

Vídeo: Dicas para uma alimentação mais inteligente

Next post

Porquê o local do trabalho?

Cristina Barros

Cristina Barros

No Comment

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *